ÚLTIMA HORA: Pavilhão Rosa Mota vai dar lugar a hospital

Fonte: Porto.pt

Fonte: Porto.pt

O SuperBock Arena – Pavilhão Rosa Mota, na cidade do Porto, vai dar lugar, no período de uma semana, a um hospital de “missão”, de forma a aliviar a afluência aos hospitais São João do Porto e Santo António.

O local vai servir utentes que, ao estar infetados com Covid-19, necessitam de acompanhamento médico. O Presidente da Câmara Municipal do Porto, Rui Moreira, comunicou, esta terça-feira, dia 31 de março, que as 300 camas a serem colocadas no pavilhão “servirão de retaguarda” aos Hospitais públicos do Porto.

O Expresso anunciou, ao recorrer a um comunicado, que a parte da logística do local vai estar ao encargo da Câmara do Porto, do Centro Hospitalar Universitário do Porto e do Centro Hospitalar de São João, enquanto que a gestão clínica do hospital estará nas mãos do Conselho Regional da Ordem dos Médicos.

Esta decisão surgiu em oposição ao fim idealizado para o local: o acolhimento de idosos deslocalizados de lares da cidade que estão a ser sujeitos ao teste. Com a disponibilização do Seminário de Vilar, por parte da Diocese do Porto, e com a utilização da Pousada da Juventude, os idosos vão ser reencaminhados para este local, e o pavilhão fica livre para os novos fins enunciados.

Esta medida, tal como outras iniciativas a decorrer na Invicta visam, como enumerou Rui Moreira, duas missões: “salvar vidas e edificar a ação dos profissionais de saúde e de todos aqueles que enfrentam a doença”.

Fonte: Canal de Youtube “PortoPonto”.