Após Covid-19, mercados chineses voltam a adotar as práticas antigas