O ensino em tempos de coronavírus

Fonte: imagem cedida por Bruno Santos

Foi a 19 de março de 2020 que teve início o estado de emergência em Portugal. Esta medida apareceu como resposta à pandemia do novo coronavírus e fez com que o país parasse de um momento para o outro. Os números da Organização Mundial de Saúde (OMS) dão conta de cerca de cinco milhões e meio de infetados em mais de 200 países e territórios até ao dia 24 de maio. A perda de vidas humanas continua a ser a principal preocupação e já são contabilizadas 347 mil mortes. A grande maioria dos negócios tiveram de fechar portas por não serem negócios na primeira linha de necessidades. Escolas e Universidades pelo país fora trocaram as aulas presenciais pelas online e, desta forma, deixaram muitos alunos e professores sem rumo. São tempos nunca antes vividos e a situação é única. Por todo o país, milhares de estudantes tiveram de se adaptar à chegada do vírus, e nem todos podem dizer que essa adaptação foi bem-sucedida pois o ensino online não funciona de maneira igual para todos.

Uma reportagem sobre o ensino em tempos de Coronavírus.