Londres limita a circulação de carros na cidade

Fonte: Público

Sadiq Khan, presidente da Câmara de Londres, afirma que pretende limitar o trânsito na cidade, para que os níveis de poluição e de circulação de veículos não aumente substancialmente. 

O presidente da Câmara de Londres afirmou esta sexta-feira, 15 de maio, que algumas zonas no centro da cidade terão acesso limitado. A medida, tomada em plena fase de desconfinamento, procura que a poluição e o trânsito não aumentem drasticamente, depois de uma acentuada diminuição desde o início da pandemia covid-19, afirma o Público. A população terá, também, mais liberdade para frequentar estas zonas a pé ou de bicicleta. Citado pelo Público, o presidente da Câmara afirma que “temos de manter o número de pessoas que usam transportes públicos o mais baixo possível. E não podemos ver viagens que antes eram feitas em transportes públicos serem feitas com carros, porque as nossas estradas ficariam imediatamente bloqueadas e a poluição no ar cresceria”.

O Público adianta, ainda, que alguns sítios da cidade ficam completamente vedados, como a London Bridge, onde apenas se permite a circulação de transportes públicos e pessoas a pé, ou de bicicleta. 

Com a diminuição de carros em algumas zonas de Londres, as pessoas têm de optar por transportes públicos, o que Sadiq Khan considera “um esforço monumental por parte de todos os londrinos para manter o distanciamento social em transportes públicos, à medida que as medidas de confinamento são levantadas”.