“Le Menhir D’or” é a nova BD de uma das antigas histórias de Astérix

Google Images

Um mês depois da morte de Albert Uderzo, a editora Leya lançou hoje, dia 27 de abril, a notícia de que o audiolivro de 1967 “Le Menhir D’or”, vai ser editado em formato de um álbum ilustrado. O lançamento vai acontecer a 21 de outubro e, em Portugal, será publicado pelas edições ASA.

“Le Menhir D’or”, em português “O menir de ouro”, é o novo álbum ilustrado da banda desenhada francesa Astérix. Durante a manhã desta segunda-feira, 27 de abril, foi dada a informação de que a história de 1967, editada em formato audiolivro, seria publicada, em outubro de 2020, no formato de banda desenhada e que, mais tarde, seria editado, em formato digital, a gravação do áudio da história.

Segundo o Público, o anúncio foi feito no mês após a morte do último criador, Albert Uderzo, a 24 de março de 2020. Céleste Surugue, o diretor-geral das edições Albert René, declara ao Le jornal du Dimanche que, no último trimestre de 2019, o autor ainda supervisionou e trabalhou na capa do álbum. “Ele disse-nos que estava a ter um grande prazer em mergulhar de novo numa história que tinha mais de 50 anos”, acrescentou o diretor-geral.

A história, com 53 anos, narra uma aventura do bardo Assunrancetourix que, com a sua voz horrível e a sua harpa, vai entrar num concurso de canto para tentar vencer o primeiro prémio: um menir de ouro, que dá nome ao título da obra. Esta será a quarta vez que, um dos audiolivros das aventuras de Astérix, vai ser transformado num livro de banda desenhada. “Como Óbelix Caiu no Caldeirão do Druida Quando Era Pequeno” de 1989, “Os XII Trabalhos de Astérix de 2016 e “Astérix – O Segredo da Poção Mágica” de 2018, são os outros três trabalhos convertidos em BD.

Capa do novo álbum “Le Menhir D’or”
Fonte: Hitek.fr

O Notícias ao Minuto salienta que, o mais recente livro destas aventuras saiu em outubro de 2019, com o título “A Filha de Vercingétorix” e, ainda que, desde o início do mês de abril que tem sido publicada, de forma gratuita, uma revista digital do Astérix, com pedaços de banda desenhada, jogos e atividades. 

A ideia partiu das edições Albert René, pertencente ao grupo de média francês Hachette, editora oficial da coleção de livros de Astérix, dias após a morte de Albert Uderzo, e está a ser publicada em Portugal pela Leya.