Criança de 9 anos desaparecida em Peniche foi encontrada morta

Fonte: sabado

A Polícia Judiciária (JP) avançou, em comunicado, que foi encontrado o corpo de Valentina, a menina de 9 anos desaparecida da casa do pais na passada quinta-feira, dia 7 de maio, na Atouguia da Baleia, em Peniche. O pai e a madrasta foram detidos devido a suspeitas no envolvimento na morte da criança.

Segundo o Observador, a Polícia Judiciária vai prestar mais esclarecimentos numa conferência a realizar este domingo, dia 10 de maio, às 16 horas. Porém, o mesmo jornal avançou que o pai de Valentina, que terá conduzido as autoridades ao eucaliptal onde foi encontrado o corpo da menina, já terá confessado o crime.

Valentina, filha de pais separados, teria sido vista, pela última vez, pelo próprio pai – que segundo relatou às autoridades a foi aconchegar perto da 1h00 da madrugada da passada quinta-feira. Quando acordou na manhã seguinte, a criança já não estaria na cama, contou após a sua detenção.

Ouvidos pelos inspetores da PJ, o pai e a mãe da Valentina tinham contado que já em 2019, a menina tinha fugido de casa, de manhã, para ir ter com a mãe. No entanto, foi encontrada por um agente policial que estranhou ver uma criança sozinha. Após ter aceitado a boleia do agente, foi deixada na casa da mãe.