Câmara de Lisboa toma medidas para a ampliação e criação de esplanadas

Fonte: evasoes

A Câmara de Lisboa aprovou esta quinta-feira, 21 de maio, a isenção de taxas para as esplanadas e áreas exteriores já existentes, assim como para a ampliação e criação de novas, até ao final do ano, devido à pandemia de covid-19.

Segundo o Público, a “redução da capacidade máxima do estabelecimento implica nos operadores económicos um impacto financeiro negativo, dada a diminuição de clientes que poderão acomodar e servir”, destaca a proposta liderada pelo Partido Socialista (PS).

Exatamente por isso, é “essencial tomar medidas que contrariem estes efeitos, apoiando a existência de esplanadas e áreas de exposição, minimizando a perda de receitas pelos operadores económicos, sejam eles do setor da restauração, sejam de outros setores económicos”, fundamenta o documento.