Acesso às praias é livre

Fonte: Observador

O Ministro do Ambiente e da Ação Climática refere que o acesso às praias vai ser livre. Porém, as regras de distanciamento têm de ser respeitadas e os grupos devem estar afastados, pelo menos, um metro e meio.

De acordo com a SIC notícias, as praias vão ter um código de cores (verde, amarelo e vermelho) que serão indicadores da lotação. Contudo, segundo o Ministro, “o sinal vermelho não significa nenhuma proibição de entrar na praia”, mas sim um aviso de que determinada praia não deve ser frequentada. Já o sinal verde indica que a praia tem espaço.

O Ministro do Ambiente alerta, também, que “no caso de haver um incumprimento reiterado, vários dias seguidos, daquilo que é a lotação da própria praia, por razões de saúde pública, essa praia poderá ser encerrada”.

O risco de contágio numa praia é igual ao de qualquer outro local no espaço público. Não há nenhum risco acrescido“, clarifica.

É importante que todas as medidas sejam cumpridas de forma a evitar o contágio da covid-19. Por isso, “foram definidas regras, que são essencialmente de afastamento e que preveem que numa praia não haja mais do que um determinado número de utentes porque são aqueles que em segurança aí conseguem estar”, lembrou o ministro.

A época balnear começa a 6 de junho.